Metodologia

Interacção Adulto-Criança | Ambiente físico de aprendizagem
Rotina Diária | Avaliação

O Traquinauta segue a abordagem do modelo curricular High/Scope, estudado, monitorizado e validado ao longo de 30 anos, que comporta dois fundamentos principais. O primeiro é que a criança deve estar activamente envolvida na aprendizagem e construir o conhecimento a partir da interacção com o mundo que a rodeia: com pessoas, materiais e ideias. O segundo é que o papel dos adultos que ensinam ou orientam consiste em apoiar as crianças na construção da sua própria compreensão do mundo.

Este modelo tem subjacente componentes fundamentais que passam por proporcionar à criança quer um ambiente físico estimulante para trabalhar e brincar, quer uma rotina diária consistente que comporte o processo de planear-fazer-rever, interações positivas entre adulto e criança e ainda a avaliação diária da criança baseada no trabalho de equipa.

Interacção Adulto-Criança

Entendemos que os adultos devem relacionar-se com as crianças não como chefes, mas como amigos e companheiros. Devem apoiar as crianças nas suas actividades, encorajando-as a aproveitar bem as suas próprias capacidades e a encontrar as soluções para os seus problemas.

Em vez de punir e isolar, os adultos ajudam as crianças a discutir as situações. Os conflitos são vistos como oportunidades que ajudam as crianças a desenvolver a sua socialização e a aperceberem-se do efeito das suas acções nos outros.

Ambiente físico de aprendizagem

As crianças têm um desejo natural de perceber o mundo à sua volta e o ambiente do Traquinauta visa estimular essa descoberta de forma espontânea e independente através duma preparação prévia do ambiente de aprendizagem.

Os espaços são organizados em áreas temáticas e os materiais guardados e rotulados com símbolos perceptiveis, ficando totalmente acessíveis às crianças, com vista a serem usados autonomamente.

As salas de actividades não têm um modelo único, tal como não têm uma organização totalmente fixa ao longo do ano lectivo. É o desenrolar do processo educativo que vai adaptar e readaptar esse mesmo ambiente de aprendizagem.

Rotina Diária

As crianças precisam de consistência. Esta necessidade é apoiada através duma rotina diária que ajuda as crianças a antecipar o que vão fazer a seguir. Estabelecida a sequência de eventos que se repete diáriamente as crianças sentem-se seguras e em controlo.

A rotina diária que adoptamos inclui o processo de "planear-fazer-rever" implementado ao longo do dia. Significa isto, que as crianças têm margem de escolha para planear as actividades que vão fazer, o que garante o seu interesse, executar essas actividades e falar daquilo que fizeram. Quando estão a recordar, o educador reflecte sobre as escolhas e as experiências que foram feitas, desenvolvendo nas crianças confiança no seu próprio poder de decisão ao mesmo tempo que lhes reforça o sentimento de autonomia.

A Rotina Diária inclui ainda actividades realizadas no exterior e desempenhadas em pequenos e grandes grupos.

Avaliação

O Método de avaliação é assente no trabalho de equipa e na interactividade.

O educador, regularmente, tira notas sobre a actividade diária das crianças. Esta documentação estimula a auto-reflexão do educador e provoca a discussão e o debate entre a equipa pedagógica. Com base nesta informação é possivel analisar e planear, tendo em vista o desenvolvimento integral da criança, promovendo uma relação autêntica e continuada entre a escola e a família.

Entendemos que a família é o principal agente educativo pelo que deve estar informada e participar activamente no decorrer do processo educativo. Assim, o nosso projecto integra reuniões individuais com os pais das crianças de cada sala, encontros para resolver questões pontuais ou para tratar de temas específicos e a sua participação em eventos e celebrações.

A partir de todos os registos e documentação gerada, é possível analisar o crescimento da criança e o desenvolvimento profissional dos educadores.

Interacção Adulto-Criança | Ambiente físico de aprendizagem
Rotina Diária | Avaliação


© 2006 Traquinauta - Todos os direitos reservados - Design: Olhar-te, Lda